Simone posta vídeo com longo desabafo sobre críticos e fala até de Melody

A cantora Simone, da dupla sertaneja Simone e Simaria, usou a função Stories do Instagram para publicar um vídeo onde fez um longo desabafo, nesta segunda-feira (9).

Na série de vídeos, a sertaneja lamenta que o público sempre esteja pronto para apontar o erro dos outros. “Pessoas são falhas. Pessoas erram. Pessoas têm defeitos. Se não tivessem, seriam Deus. E aí, as pessoas gostam muito de apontar o erro do outro”, disse ela.

E continuou: “Ah, ‘porque fulano usa roupa curta e não pode por causa da idade’, ‘fulano escreve errado uma palavra’, ‘fulano é desse jeito’. É sempre metendo o dedo na vida alheia. Minha gente, pelo amor de Deus, será que não dá para cada um cuidar da sua vida? A gente já tem tanto problema”.

“As pessoas querem só um errinho para meter o dedo e cuidar da vida do outro. Você não pode falar nada que o povo vai lá e a língua desse tamanho. Minha gente, em nome de Jesus, vai cuidar da vida de vocês, vai orar, vai se preocupar com seu estudo. Em nome de Cristo, não é assim que funcionam as coisas. Ninguém é perfeito. Só Jesus. Mais ninguém. Bota isso na cabeça de vocês. Deixa a vida do povo. É tão bom a gente cuidar da vida da gente. A gente é mais leve e mais feliz”, completou.




Na fala, era possível perceber que ela fez referência à polêmica envolvendo a cantora mirim Melody e, logo em seguida, ela confirmou: “Só para deixar claro essa história da Melody. Gente, não sou a favor não. De criança pular fase e etc. Criança é criança. Mas, nos tempos de hoje, têm crianças que se inspiram nos pais e pedem para usar um sutiã de mocinha, usam saltinho e aí vai”.

“Só que quem tem que dar limite para os filhos são os pais. Não é verdade? Os pais é que precisam cuidar dessas crianças. Então, cada pai com seu filho, com sua criação e tal. Por mais que a gente não ache certo, vai fazer o que? A vida não é deles? O povo gosta muito de cuidar da vida dos outros”, opinou a cantora.

Por fim, ela comentou sobre a educação que tenta passar ao filho Henry, de 3 anos: “Eu sou falha. Tento criar meu filho da melhor forma possível. Tento dar educação, coloco no cantinho do pensamento. Quando erra, tem castigo. Dessa forma, eu vou colocando o meu filho nos eixos, vou mostrando o que é certo e errado, vou dando amor, vou ensinando a respeitar o próximo. É isso. Vamos amar mais”.

Veja os vídeos publicados por ela:

© CHINACDS.COM.BR - 2010/2018 - Todos os direitos reservados, não copie, crie. Deus é fiel. Made in Wordpress